UNIDADES ADMINISTRATIVAS
Slider

Conselho Superior

A FACULDADE CANÇÃO NOVA adota modelo de Gestão, onde a sua concepção e prática se concentram na pessoa do estudante e das atividades de docência, investigação e projeção social. O estilo participativo e flexível da administração favorece e estimula a construção permanente da Comunidade Universitária, ao mesmo tempo, reconhece no âmbito de gestão como “espaço” de formação, convivência, tolerância, respeito, justiça, igualdade e solidariedade, princípios e valores fundamentais do espírito corporativo.

Na estrutura organizacional de Instituição se destacam:

A definição de responsabilidade e funções dos setores da organização;
A divisão e articulação do trabalho de acordo com o perfil dos profissionais da instituição;
Os sistemas de formação e os mecanismos de comunicação entre os setores;
A operacionalização dos conselhos, comitês e corpos consultivos, os mecanismos de participação e motivação.

Direção Geral

A Direção Geral, exercida pelo Diretor Geral, é órgão executivo superior de coordenação e supervisão das atividades da Faculdade Canção Nova.

  • Absorver os princípios da Faculdade Canção Nova, agindo como multiplicador dos valores que fazem parte da cultura organizacional;
  • Acompanhar as tendências expostas pela legislação, utilizando-as estrategicamente na condução da Instituição, visando aos benefícios e avanços oferecidos, bem como a preservação da Instituição;
  • Criar mecanismos sistemáticos de acompanhamento e avaliação de todos os documentos legais relacionados ao funcionamento da Instituição, de acordo com a demanda dos órgãos oficiais;
  • Garantir a qualidade dos serviços prestados pela Instituição;
  • Representar a Instituição perante as autoridades do poder público e junto às instituições educacionais, culturais, profissionais, associativas, sindicais e outras;
  • Convocar e presidir as reuniões do Conselho Superior, planejando a pauta levando em conta as prioridades advindas da comunidade acadêmica;
  • Participar da elaboração do plano de atividades da Instituição junto aos Coordenadores dos Cursos, e submetê-lo à aprovação do Conselho Superior;
  • Dimensionar recursos humanos e materiais necessários para o efetivo desempenho institucional, respeitando os recursos orçamentários;
  • Submeter ao Conselho Deliberativo da Mantenedora a proposta orçamentária anual;
  • Elaborar o relatório anual das atividades da Instituição e encaminhá-lo à apreciação do Conselho Superior e do Conselho Deliberativo da Mantenedora;
  • Conferir grau, assinar diplomas, títulos e certificados escolares;
  • Fiscalizar o cumprimento do regime escolar e a execução dos programas e horários;
  • Zelar pela manutenção da ordem e do programa de aprendizagem no âmbito da Instituição, respondendo por abuso ou omissão;
  • Firmar convênios com outras instituições aprovados pelo Conselho Superior;
  • Superintender todas as atividades administrativas da Instituição;
  • Cumprir as disposições deste Regulamento e demais normas pertinentes;
  • Autorizar as publicações, sempre que estas envolvam responsabilidade da Instituição;
  • Manter motivados os corpos técnico-administrativo e pedagógico em torno dos objetivos e da Missão institucional;
  • Coordenar a elaboração da política institucional de formação e professores;
  • Resolver os casos omissos neste Regulamento ad referendum do Conselho Superior, quando for o caso;
  • Exercer as demais atribuições que lhe sejam previstas em lei e neste Regulamento.